26.9.10

Carbona e Badke

Ola!

Hoje rolou o último ensaio antes do show do Hangar110 em São Paulo no dia 2 e em São José dos Campos dias 3 de outubro. Fizemos um set de 22 músicas. Com músicas dos últimos 4 discos. Vamos trazer algumas antigas que estavam fora do show há um bom tempo como “Mundo sem Joey”. A base do show será a mesma da Rock n´ Drinks no Rio. A tradição das emendas estão mantidas. Iniciamos o show com dois blocos de 7 músicas emendadas. Portanto mais uma vez optaremos por falar pouco e tocar bastante! Quem puder aparece! Quem puder dá uma força divulga!

Nesta semana avancei bastante nos ensaios e composições novas. Estou trabalhando na gravação de algo próximo de um disco (não sei ainda o formato de lançamento) de um disco de composições próprias, com violão + voz + muitíssima pouca coisa. A idéia surgiu ainda na época do “Apuros” traduzida na música “Se você fosse um Robot” mas acabei não conseguindo colocar em prática. Passam-se os anos, a vontade de compor e gravar continua” e me sinto animado o suficiente pra avançar neste projeto. Minha expectativa é que seja um disco de poucos acordes num formato violão e voz , nada muito diferente do que venho fazendo até aqui.

O álbum Dr. Fujita foi todo composto no violão. Tenho todas as músicas em vídeo e a idéia é resgatar um pouco do espírito das composições só que sem adicionar as guitarras pesadas e todo o resto.

A vontade de fazer este projeto já existe há muito tempo. Algumas músicas e compositores favoritos vem contribuindo muito pra isso. Tenho ouvido loucamente música com foco na canção. Violão de voz de gente como Kepi Ghoulie, Dr. Frank do MRTX e pra citar pessoas brasileiras Kaly, que compôs músicas pro CARBONA, e André do Zumbis do Espaço.

Sentar e fazer um disco assim me parece algo muito próximo do que consigo fazer com a fotografia. É o fazer pelo prazer de fazer. É colocar em prática a vontade de fazer algo e ficar amarradão de ver fazer.

Contarei neste processo com a ajuda de algumas pessoas que já se animaram em “fazer” a parada. São eles: Melvin que deve tocar teclados e me ajudar nos arranjos. Matos , o Dr. Fujita da capa que vai ajudar com barulhos percursivos, pandeirolas e o pouco mais que existir.

A onda é essa...

Kepi Ghoulie fazendo seu violão e voz no banheiro

Dr Frank , ex vocal do MRTX, tocando na leitura de um dos seus livros.

Pra quem é chegado em MRTX, vai a dica. Visite o site de livros de Frank Portman e baixe varias musicas novas acústicas. Pra matar a saudade de MRTX.

Paz e Rock!

Nenhum comentário: