6.10.10

Dr Fujita em São Paulo e São José dos Campos!







Arquivos de composição - Semivivo!

Escrevi ontem aqui algumas linhas sobre composições em violão. Resolvi dar uma olhada nos arquivos de composição que tenho do Fujita. Eu filmei todo o processo de composição do disco. Estamos falando da hora em que estava fazendo as músicas. Fiquei compondo no quarto com a câmera ligada. Depois disso, depois de ter as músicas escritas, eu filmei tudo de novo com objetivo de enviar para os CARBONA conhecerem e se prepararem para o ensaio. Um destes vivos eu estou postando aqui. Gravação de Semivivo. Coisa tosca mesmo. No quarto. No processo de criação do disco. Assim nascem as músicas. Todas tocadas em violão. Estou a fim de registrar algumas delas neste estágio. Ir para o estúdio antes de turbiná-las com distorção e gravar músicas.

5.10.10

De volta à estrada, de volta da estrada

Neste fim de semana estive de volta à estrada com o CARBONA. São Paulo no Hangar 110 e São José dos Campos no Hocus Pocus. Fiquei muito feliz com os dois shows. Bem surpreso com a receptividade e curtição com as músicas do disco novo. Foi bom ver que o Dr. Fujita trouxe vitalidade não só pra banda como para os shows também. Voltar ao Hangar é sempre um prêmio. Durante estes 3 anos sem cd a gente tocou menos, nunca tinhamos ficado tanto tem ( 1 ano e 8 meses) sem tocar por lá. Cheguei a pensar que isso poderia não rolar e quando cheguei lá, na passagem de som, já deu uma alegria. Tocamos com Gramofocas e Lomba Raivosa, noite festiva. Fizemos um set de mais de 25 músicas. Tocamos Taito, tocamos Gramofocas, tocamos Apuros e tocamos também 10 músicas do Fujita. Pano de fundo, jaquetas prateadas, tudo muito divertido! No dia seguinte fomos ate o Hocus Pocus em São José dos Campos. Nossa quarta passagem pela "casa", quinta pela cidade. Um dos nossos lugares favoritos. Acho que talvez isso tenha sido tão especial. É bom tocar em lugares que se firmar através do tempo. Se tivessem mais casas como o Hangar e Hocus Pocus as coisas seriam ainda melhores. São trabalhos sérios que vão evoluindo, e varando os anos. E isso torna os shows especiais. A importância desses lugares para o circuitão é imensa! Foi legal também sair de casa pra tocar depois de tanto tempo pois esse tempinho fora fez muita gente legal aparecer e o melhor de tudo trocar idéia. Trocar idéia sobre a banda, sobre o novo disco e etc. Voltei mais motivado para continuar com o trabalho que pretendo fazer em novembro, registrando músicas num formato violão e voz + barulhos. Tudo mínimo, poucos acordes, na onda das composições que sempre fiz. Muitas das músicas do Carbona ( talvez todas?) devem ter nascido em um violão. E quero registrar algumas assim. Agradeço mais uma vez a todos que apareceram nos shows. Fiquem em paz. Fiquem no Rock! Saideira, com registros dos shows bacanas que encontrei por ai.
Começando pelos flickrstream dos seguintes fotógrafos que fizeram belos registros do show: http://www.flickr.com/photos/marceloshina/ e http://www.flickr.com/photos/xkitamura/ autor dos vídeos abaixo.
Estas fotos aqui sem guitarra foram feitas no final do Hocus Pocus. Levei duas músicas sem guitar mesmo pra dar uma curtida com a galera.
Abaixo temos um vídeo que registra a primeira música do Hangar 11o com o Paulo Gramofoca cantando sempre que eu fico feliz eu bebo. Eles saíram do palco com gritos de mais um e achei justíssimo que ele voltasse no nosso show, logo de cara, para mais um! Confere ai!
Mais um vídeo deste mesmo show, de Valentina!


As fotos da minha câmera e de outras câmeras da banda serão postadas aqui amanhã. Muito obrigado a todo mundo que gerou e compartilhou conteúdo do show.
Paz e Rock! De novo!

1.10.10

Trama, Globo, Hangar 110, SJC!

Semana freneticamente corrida. Acabei não postando novidades por aqui. Fiz uma entrevista na Tramavirtual falando sobre o disco, sobre a banda e sobre o show do fim de semana em São Paulo e São José dos Campos. Os dias estão voando e já já estamos pegando a Dutra!

http://tramavirtual.uol.com.br/noticias/ver_noticia/9355-Carbona:+Uma+explos%C3%A3o+bubblegum!
Ainda sobre “Trama”, colocamos por lá uma música inédita, versão demo, que não entrou no “Dr Fujita”. O nome da música é “Fogueta”. Dei uma passada na comunidade do Carbona e vi vários coments de curtição da música. Quem sabe a gente não regrava numa próxima oportunidade? O mesmo aconteceu com “Antonela Toma Pílulas” uma música inédita divulgada no youtube e que todo mundo sentiu falta no disco. Assim vai se juntando um material bacana para ser registrado.
Hoje saiu uma entrevista do Melvin no Globo On Line falando sobre o disco, sobre o trabalho dele de DJ e outras coisas mais. Quem quiser conferir:

Amanhã estamos de volta ao Hangar 110 em São Paulo para marcar o lançamento de Dr. Fujita contra a Abominável Mulher Tornado. Tocar no Hangar é sempre especial. É o rock que eu acredito. O rock na medida certa. A etsrutura, a proposta, o clima da casa, tudo muito bacana. Sou fã daquele lugar. Sempre que toco lá sinto orgulho de pisar no palco. Olho pro histórico de shows, de bandas que já passaram por lá, a história que tem ali dentro. É sempre muito especial. Acredito que dessa vez seja mais especial por que durante este tempo em que ficamos sem lançar disco cheguei a achar que o Carbona não lançaria novo disco. Os meses passam e cá estamos nós, animadíssimos com “Dr. Fujita” e eu particularmente olhado para estes shows do fim de semana como nos velhos tempos. Estamos com um setlist de 24 músicas. Um show como nunca fizemos! Amanhã de manhã estamos na Dutra! Fiquem na paz e fiquem no rock!