27.3.07

Ensaio no Novo BPM!

Ouvindo som! Sometimes you can´t make it on your own. Acabei de chegar de um ensaio do CARBONA. Mais um. São 1:07 da manhã, acabei de tomar um copo dágua (risos), acabei de tomar dois Descons, o mesmo remédio que nos tempos de colégio ( 15 anos atrás) , me deu o apelido de Henriquinho Descon ( dando risada). Uma gripe me acompanha mas nem acho isso tão ruim. Antes agora do que daui ha duas semanas com todos os shows que temos pela frente. Hoje dai do trabalho mais cedo, tava batidasso, tonto me sentindo meio mal. Fui pra casa, tomei uma sopa de cogumelos ( risos ) com soja e bifum, tomei meus descons para descongestionar e dormi duas horas. Hoje era dia de ensaio. Marcamos um ensaio na Barra da Tijuca, um pouco mais longe do q costumamos ir pra ensaiar , para conhecer o novo estúdio BPM. Sensacional. Estes ensaios são importantíssimos na dinâmica da banda. Som de show. Sonzera que te faz vibrar mesmo numa atividade de rotina. Estamos começando a montar o show do Abril pro Rock que vai ter duração estipulada de 25 minutos. Ruim? A gente adora. 25 minutos de som sem parar, sem "tirar". Hoje fizemos uma abertura de show animal, com 3 músicas impensáveis e porradas! Esta mesmo abertura vamos usar nos shows de Fortaleza e demais shows. Como disse ontem , faremos shows diferentes para ocasiões diferentes. Hoje tocamos 2 músicas pouco comuns uma delas , uma de minhas favoritas, O FIM DO MUNDO do album Cosmicômica , que deve aparecer nos próximos shows. Tocamos também Onion Rings, que não entra nos shows, mas q pode aparecer mais pra frente na Tou de setembro. Acho que é isso. Voltamos felizes com o som, desmarcamos nossos ensaios em Copa para andar um pouco mais e curtir um ensaio com uma sonzera filha da puta. Rio de Janeiro, meia noite e meia, voltando pra casa, uma dura, nada muito hostil , Pedrão desafiando as estatísticas que dizem ter a frota do Rio 80% de inadimplência no IPVA + revisão , estava com tudo em dia, e os caminhos estavam abertos iluminados. Tudo na paz, penso no melhor, tomo um copo dágua. Venho aqui, escrevo umas linhas, deixo um abraço, paz e Rock!