25.8.06

SUKITA!

Ao som de John Frusciante! Hoje pela manhã passei na porta do colégio onde estudei e na frente do meu carro passou um dos meus mestres. Lá estava ele "Ivan Sukita". Os alunos o chamavam assim por que ele era ruivo, sardento, laranja como uma sukita! Hehehe! Mas assim o chamavam carinhosamente. Existem dois tipo de mestres: aqueles que os alunos gostam e aqueles que os alunos não gostam. O Ivan certamente é daqueles que os alunos gostam! Nem sei por que estou falando isso, mas de uma certa forma aquilo mexeu comigo. Passaram-se anos, aliás mais de uma década, e lá estava Ivan , fumando seu cigarrinho, atravessando a rua em frente ao colégio Andrews. Senti orgulho do cara! Um mestre, que segue dedicado ao ensino, e na hora creditei que ali estava por que gosta! Dei uma rápida viajada no dia a dia do cara, na sala de aula cheio de alunos, na responsabilidade que isso representa em dias como hoje. Foi uma manhã legal! Vamos ao rock! Ontem fui pra casa do Melvin à noite. Repassamos as músicas que iremos gravar fazendo pequenos ajustes e escrevendo "mapa" das músicas e arranjos. Segunda parte do trabalho ficou por conta da comparação da veloicidade das músicas executadas na demo X velocidade ideal de gravação. A demo que gravamos do disco, embora tenha uma qualidade legal de gravacao, foi executada como se fosse um show, com as melodias bem atropeladas, longe do ideal de se gravar em estúdio. Hoje é dia de ensaio... Sexta-feira? É o rock! Paz amigos Paz!