5.12.05

Lista na parede!

A lista está na parede. Ao longo dos últimos anos tem sido assim... Foi dada a largada para a composição e concepção de um novo disco do CARBONA. Reuni as músicas que escrevi nos últimos meses, e como manda a tradição, escrevi o nome delas como se fossem um track list de um álbum, num papel e colei na parede do meu quarto. Ontem e hoje foram dias de composição. Acredito que ao longo do mês de dezembro vai ser assim. Já tenho bastante coisa reunida mas sempre gosto de fazer umas semanas de composição. Eu tenho o hábito de compor em ciclos: muitas músicas em poucos dias. Geralmente as músicas que faço nestes períodos me agradam mais do que as que faço isoladamente. Estou animado pois as últimas músicas que gravamos "Sessão da Tarde" e "Eu você e seu Husky Siberiano" apontam para um caminho bacana. Foram escritas e gravadas num esquema mais próximo dos discos antigos, e fiquei bem satisfeito com o "clima" dessas músicas. Já conversamos, e em cima das composições que temos, vamos gravar um disco com 12 ou 13 músicas. Temos alguns outros projetos na fila que devem garantir a gravação de mais músicas inéditas. É muito bom o "exercício" de olhar pra frente. Nem sempre você tem chance de fazer isso, mas é assim que se garante a longevidade de uma banda, principalmente de uma banda indie cujo maior retorno é pago em ROCK! O Cosmicômica foi lançado em fevereiro, nos levou aos "4 cantos do país", e ainda continua sendo trabalhado com dedicação. Ainda estamos na batalha pra conseguir viabilizar um vídeoclipe e intensificar a divulgação da banda e do disco. Esta nos planos para o próximo semestre. Ainda há o que ser feito sem dúvida, mas aos poucos o processo de composição de um novo disco vai injetando ânimo para fazer, produzir e deixar de lado os milhares de questionamentos que envolvem a caminhada. Sempre busco motivação na minha ansiedade de fã para ouvir material novo das bandas que curto! Saber que o Muzzarellas, Magaivers e Zumbis vão lançar novo material é algo que me anima e tento me lembrar de que para algumas pessoas , um novo disco do CARBONA é animador. Quando me lembro disso, ganho novo gás para trabalhar. Contar estórias através de melodias grudentas, em bases simples, a nossa "onda" de sempre, é fonte legítima de satisfação! Paz e Rock!