Pular para o conteúdo principal

A fila anda! E eu adoro!

Acabo de voltar do Botafogo, antiga sede de General Severiano, onde comprei ingressos pra final da Taça Rio. Essa é a única fila do mundo onde eu pareço me sentir bem. É a fila que eu gostaria de enfrentar algumas vezes no ano. A sensação de “estou aqui de novo nessa fila” é estranha e muito boa. As filas se formam nas finais. Quanto mais filas eu enfrentar, mais títulos o Fogão disputará. Simples o raciocício não? Conversa daqui, conversa dali, passam-se os minutos, hoje apenas 45, 50 e pronto! Ingresso na mão. Agora, é só esperar domingo. É incrível, como ir ao Maracanã vai ganhando status de “programa de gala”. Sempre achei que a medida que fosse ficando mais velho, a graça de ir ao estádio fosse diminuir. Ledo engano. A insuportabilidade frenética dos tempos modernos vai transformando o simples e antiqüíssimo programa de ir ao estádio numa das melhores coisas da vida. Não sei se é por causa das tradições, não sei se é pelo fato da arquibancada do estádio promover uma temporário igualdade ( e como sou um otimista – FRATERNIDADE!) , mas de fato, minhas idas ao estádio começam cada vez mais cedo. Saio de casa, paro meu carro, fico na estátua do Belini, tiro fotos, bebo Skol, vejo as pessoas chegando, subo aquela rampa e quando a coisa está começando, pra mim já começou há muito tempo. O time do Botafogo está bem. O time do Botafogo está bem e não perde as coisas que só acontecem ao Botafogo , mesmo bem. Toma dois gols aos dois minutos de um jogo decisivo e depois vira “essa porra” avançando e quase me matando do Coração. Depois que li Febre de Bola de Nick Hornby, fiquei convicto de que se o Hornby fosse brasileiro, febre de bola era sobre o “Fogão”. Aliás, ainda sonho em trabalhar num projeto pra rodar o “fever pitch” numa versão nacional que só caberia mesmo ser com o Botafogo. Neste domingo jogaremos a final da Taça Rio que, com a vitória, nos leva a final do estadual contra o Flamengo que não há como negar que isso caracteriza dois títulos em um só ( risos ). Mas isso tb pouco importa. O que importa é que hoje eu peguei mais uma fila. A fila anda! Paz e Rock! (fota por H.Badke!)

Postagens mais visitadas deste blog

Show Acústico no Teto Solar!

Opa! No dia 29 de junho farei show no Teto Solar em Botafogo junto com exposição do Victor Stephan. Victao e ilustrador mestre ,autor da capa do Ciferal e amigo de longas datas e estamos promovendo este encontro para mostrar seus trabalhos e algumas musicas do Ciferal + hits carbonicos e musicas que eu gosto de bandas e artistas do rock gaúcho. Tudo isso num formato "polk" (punk+folk) turbinado pela participação da Cris Cafarelli que gravou o EP comigo. Fica aqui o convite para chegar la, dar uma sacada, uma ouvida e por que nao comer um dos melhores hamburguers do rio e beber uma cerveja?  Estive no Hanoi fazendo primeiro ensaio com a Cris neste final de semana e hoje a gente se encontra de novo , desta vez num esquema caseiro para passar / construir o set list do show.    Fiquem ligados! Paz!

PLAY REC, lay-outs de camisa, Guramas & Camila

Amanhã é dia de gravar! Está confirmada a gravação no estúdio BPM. Estarei gravando as guitarras e Dr. B gravando baixo nas 4 músicas do EP. Mais uma vez são elas: "Maria Sharapova", "A Melhor cerveja da Austrália", " Jogue os dados outra vez" e "Minhas canções". Estarei fazendo umas filmagens amanhã da gravação que serão disponibilizadas em MPGs no próprio cd que estará àvenda na TOUR e pelo correio também. Hoje foi dia de trrabalhar na arte de camisetas. É essencial para o sucesso de uma tour ( entende-se sucesso como sair de casa, tocar um mês e não ter q pagar o ônibus pra chegar em casa), ter um material de merchandising bacana+ discos para divulgar o trabalho e fazer um troco. Hoje trabalhei rapidamente em 2 lay-outs de camisa e gostaria de ouvir, na opinião de vocês qual o modelo mais legal. Um eu chamo de modelo "capa" pois é feito com elementos da capa do EP e outro é o modelo "mosrite". Se vcs puderem deixar um post

Novas camisetas do CARBONA numa parceria HBB + Victor stephan

Opa! Hoje a HBB anunciou pré venda de novas camisetas do CARBONA com artes exclusivas feito pelo grande Victor Stephan. Os modelos são "Back to Basics", "Antonella Toma Pilulas", "Passeio no barulho da cidade grande" e "Para onde vão as nuvevs", sendo estas últimas músicas do disco Panama que ganharam vida nos riscos e cores de VS! A HBB faz pacotes com todos os modelos + disco e já está disponível para a venda! Fiquem ligados.  Quer comprar , acesse o link! http://www.hbbstore.com/search.html?searchQuery=carbona  Paz e Rock!